A importância da reposição de colágeno

03/05/2016

colageno-envelhecimento

O colágeno age basicamente na sustentação da pele, tendões, ossos, cartilagens e tecido conjuntivo, sendo responsável pela firmeza e elasticidade da pele, com função estrutural e protetora. Esta proteína é produzida naturalmente no corpo desde o nascimento, mas, com o passar do tempo, principalmente após os 30 anos, os fibroblastos reduzem consideravelmente sua capacidade de sintetizar o colágeno. Aos 50 anos, a estimativa é que o corpo passe a produzir apenas cerca de 35% do colágeno necessário para o funcionamento dos órgãos. E aqui está a importância da ingestão de colágeno hidrolisado como um suplemento aliado aos tratamentos em cabine e home care.

A deficiência de colágeno aparece com mais frequência nas mulheres do que nos homens e influencia o aparecimento de diversas alterações no organismo: fragilidade articular e óssea, enfraquecimento de unhas e cabelos, perda de hidratação e de elasticidade da pele e, consequentemente, estrias, flacidez e sinais de envelhecimento.

A ingestão do colágeno hidrolisado vai oferecer ao organismo a matéria-prima, em forma de aminoácidos, para que possa sintetizar mais colágeno e agir contra os principais sinais do envelhecimento. Além disso, ele também pode ser utilizado como auxiliar no processo de cicatrização de tecidos, no pré e pós-operatório de cirurgia plástica (exceto nos casos em que o paciente tenha propensão à queloide e cicatriz hipertrófica), na reestruturação da cartilagem e melhoria da saúde das articulações.

A apresentação do colágeno hidrolisado em forma líquida, desde que na concentração ideal indicada por Nutricosmetico-Collagen-colagenoum nutricionista (cerca de 10g por dia), além de tornar mais prático o consumo, facilita a completa absorção e aproveitamento. Porém, os bons resultados também dependem de um outro fator, denominado coenzima, composto por nutrientes como vitaminas e minerais, dos quais a Vitamina C é a mais importante, pois é necessária à atividade funcional de fibroblastos. Estudos comprovam que a exposição dos fibroblastos à Vitamina C aumenta em até oito vezes a síntese de colágeno, além de estimular a proliferação celular. Esta é uma das razões pelas quais o CollaGen Active da Buona Vita foi desenvolvido com esta a sinergia (colágeno hidrolisado e vitamina C), garantindo a ação conjunta e a potencialização de resultados. A indicação de consumo do CollaGen é 30 ml ao dia, equivalente a 2 colheres de sopa (quantidade por porção: 30 ml = 10g de colágeno).

Para comprovar esta eficácia, realizamos um estudo de caso com mulheres entre 20 e 40 anos, com a ingestão de colágeno hidrolisado acrescido de vitamina C durante cinco semanas. Confira abaixo os resultados.

estudo-de-caso colageno