Tratamento para estrias com Fatores de Crescimento.

16/09/2019

Tratamento para estrias com fatores de crescimento.

Conheça esse eficiente tratamento para estrias.

Dentro da cosmetologia, os fatores de crescimento podem ser utilizados para diversos tratamentos estéticos, como para calvície, cicatrizes de acne, pós-operatório e outros. Dentre todos estes, talvez o mais conhecido seja o tratamento para estrias.

Como funcionam os fatores de crescimento?

Também conhecidos como GF (Growth Factor), os fatores de crescimento são grupos de proteínas que já estão em nosso corpo, e eles possuem funções importantes no nosso tecido. Agindo diretamente nas células, os fatores de crescimento são responsáveis pela reparação celular e a regeneração do tecido. Portanto, essas proteínas são capazes de potencializar a comunicação entre as células.

Quando sofremos uma lesão, como um corte na pele, acontece uma interrupção de células que antes estavam conectadas. Os fatores de crescimento aceleram o processo de cicatrização pois forçam a comunicação entre as células que, no momento do machucado, foram separadas.

Assim, fica muito claro a indicação dos fatores de crescimento para momentos pós-operatórios, por exemplo.

Tratamento para estrias.

As estrias, tão temidas principalmente pelas mulheres, também podem ser tratadas com a aplicação de fatores de crescimento.

As estrias são lesões sofridas pela pele. Quando a pele sofre o que chamamos de estiramento, ou seja, ela é forçada a esticar mais do que aguenta, pequenas falhas aparecem.

As estrias atingem principalmente mulheres, devido à gestação, por que a pele da região do abdômen exige muito elasticidade nessa época.

Outros fatores que podem causar as estrias é o aumento brusco e repentino de peso, e a genética.

As estrias podem ser evitadas com uma hidratação profunda e mantendo a saúde da pele em dia. Cosméticos com ativos hidratantes e que fornecem maior elasticidade para a pele são muito bem-vindos.

No entanto, aqui vamos falar sobre o momento em que as estrias já apareceram na pele.

Existem dois tipos de estrias: as vermelhas e as cicatrizadas.

Estrias vermelhas.

Tratamento para estrias usando fatores de crescimento.

É o primeiro estágio da estria, e também o mais fácil de ser tratado. Como neste estágio, a estria ainda está em um processo inflamatório, é mais fácil de tratar e conseguir reverter todo o processo.

Aqui, a estria adota uma tonalidade vermelha ou roxa.

Estrias brancas.

As estrias brancas são as mais antigas, e que já alcançaram o processo de cicatrização. Como elas não apresentam mais um processo inflamatório, são mais difíceis de tratar, e o que pode ser alcançado é a melhora da aparência da pele.

Microagulhamento e tratamento para estrias.

Tratamento para estrias com microagulhamento. O tratamento com fatores de crescimento pode ser feito com aplicação de cosméticos tópicos. Mas os resultados serão potencializados se os ativos alcançarem camadas mais profundas da pele. E é aí que entra o microagulhamento.

O microagulhamento é uma técnica que utiliza um equipamento com microagulhas sobre a área de tratamento. Esta técnica pode ser utilizada para dois objetivos.

As microagulhas causam pequenas fissuras na pele, que precisa se regenerar para cobrir estas microlesões. Este processo, portanto, faz com que a pele produza mais colágeno e elastina, auxiliando no rejuvenescimento da pele.

As microagulhas também podem auxiliar a abrir caminho para camadas mais profundas da pele. Mas por que isso é importante?

Quando aplicamos um cosmético em nossa pele para tratar uma alteração inestética, a nossa pele absorve o cosmético. Mas parte do ativo de tratamento fica pelo caminho, não alcançando as partes mais profundas da pele. Enquanto isso, o microagulhamento cria um caminho até esta parte mais profunda, e uma quantia maior de ativos consegue chegar até o local de tratamento. Os resultados são mais eficazes e são notados mais rapidamente.

Tratamento para estrias com microagulhamento e fatores de crescimento.

O tratamento utiliza o microagulhamento e cosméticos com fatores de crescimento para reduzir ou melhorar a aparência da estria. Conheça o protocolo para tratamento de estrias.

1. Utilize o Sabonete Bio White.

O Sabonete Bio White indicado para todos os tipos de pele, acelerando a descamação natural da pele. Desobstrui os poros e remove as impurezas mais profundas.

Aplique na região de tratamento e deixe agir por 10 minutos. Enxágue após esse tempo.

2. Aplique o Clear Peel.

O Clear Peel é um fluido feito de ácido glicólico a 10%, combinado com ácido málico, cítrico e lático. Promove a renovação celular da pele.

Aplique o Clear Peel no local e deixe agir por 10 minutos. Remova com algodão.

3. Faça a higienização com o Higisystem.

O Higisystem é um fluido para limpeza e hidratação da pele com ação bactericida, indicado para a higienização pré-tratamento.

4. Chegou a hora do microagulhamento.

Deve ser deixado claro que, para aplicar o tratamento de microagulhamento, além da formação apropriada, é necessário ter o certificado do curso de microagulhamento.

Aplique o microagulhamento no quadrante de tratamento de acordo com a técnica.

5. Faça um blend de dois produtos.

Faça um blend dos produtos Ionto Bio Factor e do produto Ionto Bio Skin.

O Ionto Bio Factor proporciona regeneração tecidual, aumentando os níveis de colágeno e elastina. Provoca a indução da formação de novos capilares sanguíneos.

O Ionto Bio Skin auxilia em procedimentos estéticos faciais e corporais, melhorando a recuperação da pele, estimulando a cicatrização.

Aplique 3 doses de cada produto por quadrante de 10cm. Faça o blend e deixe a pele absorver.

Escrever Comentário