Lifting de mamas: estética humanizada e o câncer.

07/10/2019

O lifting de mamas e o autoexame são aplicados juntos.

O tratamento de lifting de mamas e o autoexame podem ser feitos juntos.

Não tem jeito, no outubro rosa precisamos dar mais atenção para a saúde estética da mulher.

As mamas fazem parte da sexualidade da mulher, e também pode influenciar na beleza e na autoestima feminina. Por isso, desenvolvemos uma linha especial, para lifting de mamas e para o cuidado da mulher com o seu corpo em relação ao autoexame e ao câncer de mama.

Para entender alguns dados sobre o câncer de mama, leia Outubro Rosa: câncer de mama e saúde estética.

Por que fazer lifting de mamas?

A pele do corpo inteiro sofre com a perda de colágeno e elastina. Afinal de contas, a produção destes dois elementos diminui com o passar dos anos, e começam a aparecer as rugas, a flacidez e a ptose mamária. Esta última é responsável por causar a flacidez das mamas, adotando uma aparência murcha.

Geralmente, acomete mulheres acima de 40 anos de idade, mas não exclusivamente. Genética e grandes mudanças de peso, por exemplo, podem também causar a ptose.

O lifting de mamas funciona da mesma forma que qualquer tratamento lifting na pele. O protocolo busca fortalecer a pele dos seios, para que ela consiga sustentar o peso sem sofrer com a falta de elasticidade.

Porém, a frequência de sessões e o tempo de tratamento depende da avaliação profissional. Caso a mulher apresente um quadro de ptose mamária avançada, existem outras maneiras mais eficientes de corrigir. É o caso da mastopexia, cirurgia que tem o objetivo de levantar as mamas.

Contudo, este blog post é sobre o lifting de mamas, um tratamento eficiente e não-invasivo.

Lifting de mamas e autoexame.

O assunto “câncer de mama” está em alta, e não apenas devido ao mês de outubro. O câncer de mama possui números assustadores que só tendem a aumentar, e a maior arma contra a doença é o autoexame.

Mas se o autoexame, uma prática tão simples e rápida, pode identificar a doença precocemente, como que o câncer de mama continua matando tantas mulheres?

O autoexame precisa ser realizado todos os dias.

O autoexame é a maneira mais simples de identificar o autoexame.

Hoje, se sabe que o câncer de mama causa muito medo nas mulheres. A cada dia, ouve-se falar de mais casos. Além disso, é uma doença que não oferece risco apenas para um símbolo sexual do corpo da mulher, mas também contra sua própria vida.

Por medo de descobrir um câncer, muitas mulheres também evitam fazer o autoexame. O que, obviamente, é uma atitude equivocada. O câncer de mama descoberto cedo tem 90% de cura. Por isso, o correto é realizar o autoexame todos os dias. E é aí que entra o lifting de mamas.

Para que o tratamento de lifting de mamas mantenha os resultados estéticos esperados, é necessário que a mulher realize a manutenção diária.

Essa manutenção acontece com a aplicação de cosméticos nas mamas, com movimentos antigravitacionais. Como essa manutenção faz parte do dia a dia da mulher, o autoexame é realizado no mesmo momento.

Assim, o tratamento de lifting de mamas mantém a beleza e a juventude da mulher, e traz a consciência sobre o autoexame diário.

O profissional de estética e o autoexame.

Assim como a própria mulher, o profissional de estética possui um papel muito importante na conscientização sobre o autoexame.

Quando receber uma cliente para o tratamento de lifting de mamas e indicar a manutenção do tratamento em casa, também deve explicar como realizar o autoexame e por que realizar. Afinal de contas, quando falamos sobre câncer de mama, a desinformação pode ser fatal.

Além disso, o profissional deve informar imediatamente caso sinta algo durante a aplicação do tratamento, como um caroço na região das mamas da cliente. Tanto o profissional quanto a cliente devem ficar atentos a outros sinais, tais como coloração alterada, secreção na área de mamilos ou dor na região das mamas.

Tratamento de lifting de mamas: linha Humanizar.

Lifting de mamas e cosméticos.

Cosméticos para lifting de mamas.

A linha Humanizar é formada por três produtos, sendo dois deles para tratamento em cabine, e um para manutenção home care.

Os cosméticos Humanizar, assim como todos os outros produtos assinados pela Buona Vita, carregam a legítima base biocompatível. Ou seja, derivados do petróleo, como o óleo mineral e a parafina, foram excluídos de nossa lista de ingredientes. Também são 100% livre de parabenos, propilenoglicol e liberadores de formol.

Antes de chegarmos ao protocolo, vamos conhecer um pouco sobre os produtos da linha Humanizar.

Humanizar Mask.

A Humanizar Mask é uma máscara peel off com propriedades tensora, de fácil aplicação e remoção. A Humanizar Mask pode ser aplicada nas mamas ou no colo.

Os principais ativos da Humanizar Mask são a argila vermelha e o raffermine.

A argila vermelha é um ativo natural, que fornece nutrição com oligoelementos. Estudos comprovam a eficácia no aumento da elasticidade em até 173,78%, e no aprimoramento do efeito tensor em até 37,84%.

O raffermine é formada por frações especiais de soja, metabolizada pelo nosso corpo como nutriente. O raffermine estimula a síntese de colágeno e as moléculas envolvidas na hidratação. Procura aumentar a elasticidade, prevenindo a flacidez, e desse modo, evitando a ptose mamária.

Humanizar Sérum.

O Humanizar Sérum é riquíssimo em ativos firmadores e antiglicantes. É normalmente aplicado com manobras de massagem, mas também pode ser utilizado com eletroterapia. Seus ativos principais são o DMAE e o dragosine.

O DMAE é um ativo poderoso com efeito tensor, antioxidante que corrige a flacidez e as estrias.

Já o dragosine é um peptídeo antiglicante que protege as proteínas e o DNA, mantendo a pele jovem. O dragosine se conecta com fibras envelhecidas de colágeno e as reativa.

Humanizar Cada Dia.

O Cada Dia é o produto home care da linha Humanizar. Este creme de aplicação diária contém ativos tonificantes e antipoluição.

O Humanizar Cada Dia carrega DMAE, raffermine e também o Exsy-Arl.

O Exsy ARL é um pseudodipeptídeo com ativos antipoluição, antiglicantes e detox. Melhoram o sistema de defesas da pele, evitando o efeito oxidativo e o envelhecimento.

Protocolo de lifting de mamas.

Antes de iniciar o tratamento, uma dica importante: mantenha a maca em um ângulo de 15 a 20 graus.

Passo 1: Higienização.

Aplique o Higisystem Buona Vita nas mãos da profissional e na região de tratamento.

Realize a esfoliação física utilizando o Peeling Buona Vita com movimentos circulares, até a formação de grumos. Remova o excesso do produto com bandelete umedecida.

Passo 2: Tratamento.

Aplique 15 gotas do Humanizar Sérum Buona Vita em cada mama, e realize massagem com movimentos antigravitacionais, repetindo 3 vezes cada movimento.

Aplique a Humanizar Mask Buona Vita no sentido antigravitacional, e deixe secar por 20 minutos. Como é uma máscara com efeito peel off, remova pelas bordas inferiores, puxando de baixo para cima.

Passo 3: Manutenção diária e tratamento home care.

Após o tratamento em cabine, aplique o Humanizar Cada Dia Buona Vita. Inicie elevando o braço e apoie o braço da cliente atrás da cabeça. Massageie no sentido antigravitacional com manobras de deslizamento e rotação apalpando toda a mama até a região da axila. Repita a manobra nas duas mamas.

Frequência do tratamento.

Realize o atendimento duas vezes na semana. A manutenção deve ser realizada em casa, todos os dias, duas vezes ao dia.

Enquanto realiza a aplicação do Cada Dia, a mulher deve aproveitar o momento para fazer o autoexame.

Você pode fazer o download deste protocolo em nosso site, em Protocolo Humanizar.

Escrever Comentário