Cuidados Estéticos Durante a Gravidez

15/10/2015

gestante07Embora a gravidez seja uma das experiências mais fantásticas que uma mulher pode vivenciar, infelizmente nem tudo é um mar de rosas durante os meses que antecedem o parto. Durante a gestação, o corpo passa por diversas transformações e alterações e muitas delas podem se tornar motivo de desconforto para as futuras mamães. A boa notícia é que hoje, com as facilidades que o mercado de saúde estética nos proporciona, já é possível unir maternidade, bem-estar, saúde e beleza. E é nesse momento que o auxílio e acompanhamento de um profissional bem capacitado, que oriente e incentive a gestante em cada cuidado estético, pode fazer a diferença para evitar ou diminuir algumas alterações como estrias, flacidez, manchas, entre outras.

Os níveis de hormônios, por exemplo, sofrem oscilações e, com isso, surgem alterações cutâneas, como a celulite, decorrente da maior retenção hídrica, e as estrias, devido ao aumento no nível do hormônio cortisol. O objetivo do profissional de saúde estética é sempre de prevenção, orientando os cuidados necessários para manter a beleza e autoestima, estando sempre atento às condições de saúde de sua cliente e solicitando que a mesma esteja devidamente liberada por seu médico obstetra.

É importante reforçar que no período gestacional o objetivo não é fazer nenhum protocolo estético para obter resultados como diminuição de medidas, por exemplo. A ideia é amenizar os efeitos inestéticos deste período e proporcionar alívio, relaxamento e hidratação. Dessa forma, os principais benefícios são: ausência de edemas nos pés e tornozelos; prevenção de estrias no abdômen, laterais dos ilíacos, das coxas e nos glúteos; controle da celulite e gordura localizada; melhora na qualidade do tecido do complexo auréolo-mamilar, para facilitar a amamentação; conforto na região lombossacra; melhoria na qualidade do sono e valorização da autoestima.

Mas, antes de começar os cuidados preventivos em cabine, o profissional deve sempre observar:
– Liberação do médico obstetra
– Verificar antecedentes de alergias ou pré-disposição a reações de sensibilização
– Checar os ativos cosméticos que podem ser utilizados em gestantes
– Oferecer protocolos e técnicas apropriadas, visando o conforto e bem-estar da cliente
– Buscar bases biocompatíveis, livres de óleo mineral, parabenos, propilenoglicol e conservantes liberadores de formol, mais seguros e que evitam tamponamento dos óstios, principalmente nessa fase que a pele está mais oleosa e reativa.

Livro-Gestante

Uma dica para o profissional que deseja se diferenciar é investir em protocolos de bem-estar em locais com ambientação especialmente preparada, com música relaxante (de preferência de ninar), almofada, toalha, lençol, bolsa térmica, temperatura agradável, aromas envolventes, gourmeterapias, etc. Essa e muitas outras dicas você encontra no livro Gestantes: cuidados estéticos durante a gravidez, de Isabel Piatti, que acompanha inclusive um DVD com vídeo protocolos. Um pacote completo de dicas para você que atua na área ou que pretende oferecer esse tipo de atendimento.

Aumente ainda a segurança para sua cliente utilizando produtos com bases biocompatíveis, sem óleo mineral, parafina, parabenos, propilenoglicol e conservantes liberadores de formol. E lembre-se de sempre orientar sua cliente para uma manutenção diária de beleza com os produtos adequados indicados para gestantes, além de roupas e calçados confortáveis, alimentação balanceada, ingestão abundante de água, oito horas diárias de sono e rotina prazerosa, o que também contribuirá para tornar a gravidez um período mais agradável para ela e para o bebê.

SDC – Síndrome da Desarmonia Corporal

13/10/2015

mulheres-epigenetica6

A diversidade de biotipos no Brasil é enorme e os clientes que procuram tratamentos estéticos têm diferentes necessidades e expectativas. É por isso que falamos tanto em atendimento personalizado. Levando em conta aspectos genéticos e epigenéticos, é possível uma avaliação precisa nos casos da Síndrome da Desarmonia Corporal (SDC), que compreende cinco principais alterações estéticas corporais (gordura localizada, flacidez, estria, celulite e edema).

O ser humano possui uma codificação genética que constitui o seu genótipo e que influencia seu biotipo corpóreo. Porém, isto não é determinante, visto que é modificável pela influência ambiental. Resumindo, o ser humano é o resultado da interação entre a sua herança genética e o ambiente, por seus hábitos e estilo de vida (epigenética). Há características que dependem da herança genética, como a cor do cabelo, a altura ou o grupo sanguíneo e há aquelas que são desenvolvidas ao longo da vida, que compreende as escolhas cotidianas, os hábitos e o nível de estresse. Esses fatores podem gerar modificações na forma de expressão de determinados genes que podem ainda ser passadas para até duas gerações.

A genética, associada aos nossos hábitos, pode ser beneficiada ou prejudicada. Por exemplo, se a pessoa traz em seu código genético um gene que a beneficie não tendo pré-disposição para engordar, porém sua alimentação não é favorável, através de seus hábitos alimentares, ela engorda. O mesmo ocorre quando se tem um gene pré-disponente para engordar, porém com uma boa alimentação, não engorda.

Tratamento
Para ser completo, o tratamento deve abranger todas as alterações focadas pela SDC, compreendendo todas as etapas do processo de lipólise, bem como o aumento da microcirculação tecidual e redução de acúmulo de líquido local, afinal, essas alterações inestéticas são causadas por desordens fisiológicas que precisam ser controladas e corrigidas para que os tratamentos estéticos tenham a eficácia desejada.

Com isso é importante reforçar o que há de mais tecnológico e inovador no mercado para os tratamentos estéticos: produtos embasados não somente na epigenética, mas também na genética, ou seja, direcionados à ação de genes ligados diretamente às alterações inestéticas, sendo o que existe de mais atual na cosmetologia. Um exemplo é a Linha Alchemy Body.

Alchemy Body

Nesse tipo de tratamento é fundamental que sejam produtos com ativos em alta concentração, vetorizados e sem adição de água, no caso dos séruns por exemplo, dessa forma trazem resultados muito mais eficazes, sinônimo de satisfação garantida para o cliente que chega a seu objetivo mais rápido e para o profissional, que mostra estar antenado e comprometido com a qualidade de seu trabalho.

Dessa forma, após preencher o prontuário e de posse do relatório, a possibilidade de personalização do tratamento com esse tipo de produto permite que o profissional de saúde estética componha ele mesmo na hora do atendimento o cosmético que vai utilizar no protocolo. E você, já experimentou essa novidade em seus clientes?

Tratamentos com base em genética e epigenética

08/10/2015

Women of Different Generations Standing Together --- Image by © Ariel Skelley/Corbis

Você com certeza já ouviu falar em tratamentos e avaliação personalizada, certo?

A diversidade de biotipos no Brasil é enorme, os clientes que procuram tratamentos estéticos são de todas as etnias e culturas, com diferentes necessidades e diferentes expectativas. Sabendo disso fica claro que protocolos padronizados vão contra a tendência crescente de personalização dos atendimentos, onde a prestação do serviço estético leva em consideração o objetivo do cliente, seus hábitos de vida, sua história, seu biotipo e suas necessidades.

Com o aprimoramento e avanço dos estudos na estética e cosmetologia, um novo conceito científico foi trazido à tona para uma avaliação precisa: o de genética aliado à epigenética. O ser humano possui uma codificação genética que constitui o seu genótipo, influenciando o biotipo constitucional corpóreo. Porém, isto não é determinante, visto que é modificável pela influência ambiental. Esta modulação gênica resulta no fenótipo do indivíduo, sendo essa a influência epigenética.

Resumindo, o ser humano é o resultado da interação entre a sua herança genética e o ambiente, por seus hábitos e estilo de vida. Há características que dependem unicamente da herança genética, como a cor do cabelo, a altura ou o grupo sanguíneo, que são transferidas para as próximas gerações. E há características desenvolvidas ao longo da vida como resposta da interação do ser humano com o meio, isto é, as escolhas cotidianas, os hábitos, o nível de estresse de uma pessoa podem gerar modificações na forma de expressão de determinados genes e essas modificações também podem ser passadas para até as duas próximas gerações.

Este é o contexto da genética e da epigenética, assim fica claro que todos somos fruto do que nossos pais e avós foram e fizeram, a isso somam-se os nossos próprios hábitos e isso nos torna seres únicos. A genética associada aos nossos hábitos, pode ser beneficiada ou prejudicada, só depende da própria pessoa. Por exemplo, talvez ela traga em seu código genético um gene que a beneficie e seja alguém que não tenha pré-disposição para engordar, porém sua alimentação não é favorável e assim, através de seus hábitos alimentares, ela engorda. O mesmo ocorre quando se tem um gene pré-disponente para engordar, porém se tem uma boa alimentação e não engorda. O mesmo acontece com a pré-disposição ao envelhecimento. E assim para muitas alterações inestéticas.

Com isso é importante reforçar o que há de mais tecnológico e inovador no mercado para os tratamentos estéticos: produtos embasados não somente na epigenética, mas também na genética, ou seja, direcionados a ação de genes ligados diretamente às alterações inestéticas, que é o que existe de mais atual na cosmetologia.

Para isso é fundamental que sejam produtos com ativos em alta concentração, vetorizados e sem adição de água, no caso dos séruns por exemplo, dessa forma trazem resultados muito mais eficazes, sinônimo de satisfação garantida para o cliente que chega a seu objetivo mais rápido e para o profissional, que mostra estar antenado e comprometido com a qualidade de seu trabalho.

Assim, após preencher o prontuário estética e de posse do relatório, a possibilidade de personalização do tratamento com esse tipo de produto permite que o profissional de saúde estética componha ele mesmo na hora do atendimento o cosmético que vai utilizar no protocolo que irá tratar aquela síndrome alvo específica. Não é o máximo? Você adquire um kit de produtos, e atende de maneira personalizada cada cliente conforme suas necessidades, manipulando você mesmo o produto de maneira adequada para aquele caso. Ciência, tecnologia e modernidade onde quer que você esteja.

E como você vai conseguir isso? Acesse para Tratamento Corporal e Tratamento Facial

Página 70 de 72« Primeira...102030...6869707172